Archive for the 'Uncategorized' Category



DVD Styler

O DVD Styler é um programa que permite criar DVDs profissionais bem aí, no seu GNU/Linux. Ele é bem fácil de usar, basta arrastar os vídeo para a tela do programa que eles já são adicionados com uma miniatura no menu. É possível adicionar submenus, que podem ter imagens de fundo, vídeos, animações e cores pré-definidas. O software conta com diversos botões e planos de fundo pré-definidos, que podem ser adicionados na base do arrastar e soltar mesmo.

Os botões podem ser programados com os scripts padrão dos DVDs, permitindo que você troque a faixa de áudio, altere a legenda ou troque de menu. O programa está nos repositórios das distros.

Anúncios

Ubuntu Software Store

A Canonical divulgou uma novidade para as próximas versões do Ubuntu, a Software Store. A idéia é substituir as funcionalidades de diversos aplicativos (Gdebi, Synaptic, “Adicionar/Remover”, Gerenciador de Atualizações, Canais de Software e Mantenedor do Sistema), englobando tudo no novo software. A Software Store iria permitir que você realizasse todas essas operações em um lugar só. Atualmente, existem uma fragmentação nesse sentindo. Cada programa faz uma coisa e você tem que trocar entre um e outro eventualmente (se houver um erro na atualização, o Gerenciador de Atualizações pede para você abrir o Synaptic). Os links apt seriam administrados pelo novo programa, sendo que a Canonical está planejando uma campanha para popularizar esses links.

O App Center será intergrado ao Launchpad, permitindo que você veja avaliações sobre o software antes de baixar. Screenshots e até mesmo pequenos vídeos também serão incluídos. Existem planos para incluir softwares pagos, com um canal de pagamento pela Canonical, o que ainda vai gerar alguma discussão. O novo programa deve estrear já no 9.10, mas sem ser a opção padrão. A partir da versão 10.04 LTS, ele começará a ficar em primeiro plano.

Veja mais na Wiki do Software Store

Quake Live disponível para Linux

Saiu hoje: a ID software confirmou o lançamento das versões Linux e Mac da versão online do seu famoso game de tiro. Para jogar, será necessário instalar um plugin no browser (disponível para IE7+, Safari e Firefox 2+). Eu testei o game no Firefox 3.5 (Ubuntu, Shiretoko) e funcionou perfeitamente. Após se cadastrar e baixar a extensão de 1.4MB, o browser irá baixar os dados do game (vai levar algum tempo) e salvar em uma pasta oculta .quakelive na sua home. Aí é só partir pro jogo :). Será necessário ter banda larga para essa festa toda, mas o desempenho geral é muito bom, principalmente após os upgrades que permitiram a retirada das filas de espera imensas que incomodavam profundamente os usuários.

Confiram no site do Quake Live.

Enviando notificações pelo notify-osd do Ubuntu

O Ubuntu 9.04 conta com um novo sistema de notificações, o notify-osd. Os avisos do sistema são exibidos utilizando bolhas escuras transparentes no canto da tela. O mais interessante é que, ao passar o mouse sobre elas, elas desaparecem, evitando que um bando de notificações atrapalhe o seu trabalho.

Um comando útil é o notify-send, que permite enviar notificações pelo sistema. A sintaxe é simples:

$ notify-send [OPÇÕES] título mensagem


Ponha a mensagem e o título entre aspas, caso tenham mais de uma palavra. As opções mais interessantes são:

-i caminho_para_imagem: usa essa figura como ícone da notificação.

-u low|normal|critical: define a importância da mensagem.

-t tempo: define a duração, em milissegundos.

Bem, vamos a um teste. Rodando o comando:

$ notify-send  -i /home/trx64/Imagens/Finishpersian.gif   ‘Leônidas diz:’   ‘THIS IS SPARTA!!!’

Aparece isso :D:

screenshot3

Aqui eu criei um script em /usr/bin/frase-do-dia com o conteúdo:

#!/bin/sh
#SCRIPT PARA EXIBIR A FRASE DO DIA USANDO O NOTIFY-OSD

TEXTO=`fortune 100% brasil`
notify-send “Frase do dia:” “$TEXTO”

Se você tiver  os pacote fortunes e fortunes-br, crie o script, dê permissão de execução (sudo chmod +x /usr/bin/frase-do-dia) e apenas execute o comando:

$ frase-do-dia

Se quiser, coloque o comando na inicialização (Sistema > Preferências > Aplicativos de Sessão), para sempre ver uma frase no login.

screenshot5

Entrevista com Chuck Norris

Um corajoso entrevistador aceitou o desafio de confrontar Chuck Norris.

Para quem não sabe, Chuck Norris virou uma celebridade na web, após o surgimento dos “Fatos sobre Chuck Norris”:

– Chuck Norris não liga o chuveiro. Ele o encara até fazer ele chorar.

– Chuck Norris não coloca gasolina no carro. Ele diz “corra” e o carro sai correndo.

Com a fama de invencível, ele virou uma celebridade na web, na Desciclopédia e em todo o canto.

A Touch Of Evil Live – novo CD do Judas Priest

Em turnê, o Judas Priest liberou o seu novo disco ao vivo: A Touch Of Evil Live. Após ouvir, ouvir e reouvir (existe isso?), já dá para postar as minhas impressões. Primeiro, vamos as faixas:

1 – Judas Rising

2 – Hellrider

3 – Between the Hammer & the Anvil

4 – Riding on the Wind

5 – Death

6 -Beyound the Realms of Death

7 – Dissident Aggressor

8 – A Touch Of Evil

9 – Eat me Alive

10 – Profecy

11 – Painkiller

Uma novidade é que Eat Me Alive foi cantada ao vivo pela primeira vez na história da banda, o que faz com que Defenders Of The Faith seja o primeiro álbum do grupo a ter todas as músicas cantadas ao vivo. Rob Halford não desaponta e impressiona ao cantar a faixa. Tipton e Downing ainda são a dupla perfeita, arrasando em Painkiller. Nessa faixa, pessoalmente, eu acho que Halford não foi muito bem. Os agudos característicos de Painkiller nem de longe apareceram (acho que a voz do Halford não está muito boa nessa turnê).

É muito bom ter um novo disco ao vivo da banda, com músicas de Nostradamus e Angel Of Retribution. A banda continua com a energia de sempre, impressionando. É um bom disco, apesar de não ser sensacional. Ótima adição para os fãs dos eternos Metal Gods.

Tutorial: Otimizando o Firefox 3

Quando você tem um histórico muito grande ou muitos favoritos, o navegador fica lento ao gerenciar favoritos ou histórico e, principalmente, a Barra Sensacional fica lenta para mostrar suas sugestões, o que torna desagradável digitar qualquer coisa ali. O que precisa ser feito é otimizar o banco de dados do navegador, o que pode ser feito da seguinte forma:

Obs.: feche o Firefox primeiro!

$ cd ~/mozilla/firefox/seu_perfil
$ for i in *.sqlite; do sqlite3 $i vacuum; done

Isso vai otimizar o banco de dados do navegador, que vai ficar bem mais rápido para buscar entradas na barra.

Baseado nisso, eu fiz um script shell para realizar essa operação. Ele verifica se o sqlite3 está instalado e, principalmente, se o Firefox ainda está em execução. Se alguém tiver uma idéia melhor para o script, é só me avisar:

—————————————————————————————

#OTIMIZA-FIREFOX

#!/bin/sh

if [ `whereis sqlite3 | grep -c /` -lt 1 ]
then
echo ‘O programa sqlite3 é necessário para esse script. Instale com:’;
echo ‘\tsudo apt-get install sqlite3’;
exit 2;
fi

if [ `ps aux | grep -c /usr/lib/firefox` -gt 1 ]
then
echo ‘Feche o navegador antes de prosseguir’;
exit 1;
else
echo ‘Realizando otimizações no banco de dados do navegador…’;
echo ‘Essa operação pode levar algum tempo…’;

ANTES=`du -s ~/.mozilla/ | grep -o [0-9] | tr -d ‘[:space:]’`;

for i in ~/.mozilla/firefox*/*/*.sqlite; do
sqlite3 $i vacuum;
done;

DEPOIS=`du -s ~/.mozilla/ | grep -o [0-9] | tr -d ‘[:space:]’`;

echo ‘Otimização executada com sucesso’;

echo “Foram economizados `expr $ANTES – $DEPOIS` bytes de espaço em disco”;
exit 0;
fi

—————————————————————————————

Eu salvei na pasta /usr/bin, com o nome “otimizar-firefox”, de forma que basta rodar esse comando quando eu quiser otimizar tudo.