Arquivo para 18 de julho de 2009

Review: MP3 player SanDisk Sansa C240

Eu estava atrás de um MP3 player barato, mas que fosse de qualidade, afinal não queria comprar algo que não durasse nada. O SanDisk Sansa C240 é um modelo mais antigo da linha da SanDisk, por isso pode ser encontrado por R$ 69,90 (comprei nas Lojas Americanas). Peguei um modelo vermelho (era esse ou o rosa :)), atraído pela marca do aparelho.

O player possui características interessantes. Ele possui uma bateria recarregável que, apesar de demorar umas 2 horas para carregar na USB (não vem com carregador para tomada, o que é um pouco ruim, pois depende do PC), garante cerca de 14 horas de música. A capacidade é de só 1GB, mas ele conta com um slot de expansão que aceita cartões MicroSD de até 4GB, totalizando 5GB de espaço, o que é muito bom pelo preço (um cartão desses custa uns R$ 70,00). A tela é colorida, apesar dele não tocar vídeos. Existe o RockBox, um firmware alternativo que suporta diversas funções extras, como vídeo, mas ele não é compatível com essa versão do Sansa. A interface é agradável e os botões são bem projetado, com exceção da tecla HOLD, que trava o teclado. Essa tecla é um pouco difícil de deslizar, o que exige algum jeitinho para apertá-la.

O C240 vem com um fone de ouvido muito bom. A qualidade do som do aparelho também é boa, excelente para a faixa de preço. As equalizações pré-programadas melhoram bastante a qualidade do som, e também é possível definir suas próprias equalizações. Como funções extras, ele é um bom gravador de voz e toca rádio FM (podendo gravar inclusive, apesar da recepção não ser grande coisa). A interface é boa e ele ainda aceita capas do discos, o que deixa o player ainda mais interessante.

O único defeito mais sério que eu achei é que, sempre que você coloca mais músicas, ele atualiza o banco de dados. Não demora quase nada, mas às vezes ele trava na atualização e não aceita a música, de modo que você tem que excluir as músicas que colocou e tentar de novo.

Mesmo com isso, ainda considero uma ótima compra pelo valor e qualidade do aparelho, que é bem robusto. Aproveitem enquanto ainda está disponível.

Sincronizando com o Rhytmbox

Para usar o player no Ubuntu, basta plugá-lo e ele já é reconhecido. As músicas devem ser colocadas na pasta MUSIC, que serão reconhecidas. Se deseja sincronizá-lo pelo Rhytmbox, é preciso informar ao sistema que se trata de um player de mídia. Siga os seguintes passos:

1) Na pasta raiz do Sansa, crie um arquivo chamado .is_audio_player (com o ponto na frente)

2) Edite o arquivo (como ele é oculto, aperte “CTRL+H” no Gnome ou “ALT+.” no KDE para vê-lo) e cole o seguinte conteúdo nele:

audio_folders=MUSIC/
folder_depth=2

Isso informa ao Rhytmbox a pasta onde ficam as músicas. Agora, basta plugar o Sansa no PC e abrir o Rhytmbox, que já estará tudo OK.

Anúncios